Quem sou eu

Minha foto
Campinas, SP, Brazil
menina/mulher, amiga, namorada, esposa, psicóloga, mãe e escrevo nas horas vagas. Descrever-me não adianta, você sempre terá a sua opinião. Eu sou aquilo que você pensa que eu sou. Seja verdade ou não, é a sua verdade. http://twitter.com/talitanlopes

09 março 2012

tudo de novo




Sabe aquela saudade que vem de repente e tira o ar?
Saudade de algum tempo, de alguma coisa, de alguém que não dá pra descrever.
Mas quem sabe esse tempo, esse algo, esse alguém só foi aquilo que eu imaginei, nunca foi real. Essa saudade se torna destrutível, porque imaginações e idealizações não dão a certeza do vivido, do experimentado, da realidade.
Sessões intermináveis de nostalgia profunda, mas isso não significa que não há nada novo, que não há mais nada para se viver, é só uma saudade. Mas é só mesmo?
Tudo o que passou foi bom, foi ótimo. Ok, tudo bem, eu posso ter supervalorizado alguns momentos, algumas coisas e pessoas, mas é meu por direito essa escolha.
Talvez essa “prisão” não me deixe enxergar o verdadeiro valor do HOJE, o quanto eu ainda sentirei saudade desse HOJE por não aproveitá-lo como deveria, como poderia. Mas e daí? Vai ser sempre assim mesmo.
Volta e meia olharei pra trás e sentirei falta de tudo, de todos, DE NOVO.